Mais de 250 mil

cidadãos beneficiados

769

parâmetros analisados no banco de dados automatizado

Mais de 2.500

cidadãos nos workshops e nas audiências públicas

Visualizando no momento

O desafio

Com a construção da maior linha de transmissão de energia do mundo, cruzando o Brasil com 2.539 quilômetros de comprimento, os municípios abrangidos precisam garantir que sejam positivamente afetados em relação ao planejamento territorial urbano e rural. A Arcadis foi escolhida para realizar o estudo de território de 19 municípios e propor ordenação por meio da elaboração de Planos Principais Municipais, que forneçam diretrizes para crescimento e expansão, bem como instrumentos urbanísticos para garantir sua eficácia. Estas propostas estão alinhadas no desenvolvimento de cidades mais sustentáveis e resilientes e, por conseguinte, melhoram a qualidade de vida dos cidadãos. O desafio era envolver as prefeituras e seus cidadãos para entender o Plano Diretor como a ferramenta mais importante para o planejamento e desenvolvimento dos municípios e integrar áreas urbanas e rurais considerando e aplicando aspectos de sustentabilidade.

A solução

Analisar e conhecer 19 municípios em diferentes locais e culturas no Brasil é um grande desafio, devido aos aspectos geográficos e de território, à variedade e dispersão dos dados, além do cronograma apertado para o desenvolvimento do projeto. Para superar esse problema, foi desenvolvida uma metodologia de nove etapas, que consiste em: articulação com prefeituras e municípios; pesquisas com stakeholders; elaboração do diagnóstico municipal com base em dados disponíveis on-line disponibilizados de forma digital automática e também visitas de campo no local; participação popular por meio de audiências públicas e workshops; análise integrada do município por meio de modelagem paramétrica e indicador de capacidade de infraestrutura; definição de princípios e diretrizes para o Plano Diretor; nova rodada de audiências públicas e workshops; e preparação do projeto de lei para ser entregue aos municípios.

O impacto

Um total de 250 mil habitantes residentes em 19 municípios foi positivamente afetado durante todo o projeto, pois suas cidades agora contarão com uma nova legislação sobre uso da terra e políticas públicas. Ao apoiar o desenvolvimento sustentável de tais cidades e ações, também estamos criando lugares onde as pessoas podem viver e prosperar.

  • LEIA MAIS

    A legislação de uso da terra foi elaborada com a intenção de atribuir o uso correto para as fragilidades locais do ambiente físico, tanto na área urbana (por exemplo, áreas industriais e residenciais) quanto na área rural (vilas rurais e propriedades agrícolas), para tornar a integração sustentável. As políticas públicas foram desenvolvidas alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 2030 das Nações Unidas, compreendendo diferentes setores e compreendendo os pontos fortes e fracos dos municípios, tais como: desenvolvimento rural sustentável, desenvolvimento econômico urbano, habitação, saneamento básico, mobilidade urbana, saúde, educação, segurança pública, meio ambiente e segurança social.


Recursos usados

Saúde, Segurança, Meio Ambiente e Sustentabilidade Digital

Read more

Connect with {name} for more information & questions

Arcadis will use your name and email address only to respond to your question. More information can be found in our Privacy policy